• Quest Comunicação Total

Design de embalagens para marca própria: por que investir?


Atualmente, os supermercados contam com milhares de produtos que integram suas prateleiras, sendo divididos em centenas de unidades de manutenção de estoque (SKUs) de variadas categorias, que atendem aos mais diversos perfis de consumidores e suas respectivas necessidades.


O design de embalagens é um dos aspectos mais importantes para gerar soluções tanto na preservação do produto, na organização de prateleiras e na logística quanto na forma como as empresas se comunicam com o seu público por meio dos itens que comercializam.


Mostraremos o que é marca própria e por que é tão importante que uma empresa invista em fortalecer sua estratégia de design de embalagens. Acompanhe!


O que é marca própria e por que tantas empresas têm investido nisso?

O conceito é de conhecimento de grande parte da população brasileira: marca própria é aquela que pertence a uma empresa — seja um supermercado, seja um estabelecimento varejista —, podendo ou não ser fabricada por ela.


A marca própria pode carregar o mesmo nome da empresa em questão ou utilizar um nome fantasia associado indiretamente a ela.


No Brasil, muitas marcas têm investido para que essa cultura seja firmada na mentalidade dos consumidores, enquanto em países da América do Norte e da Europa a marca própria já é um conceito antigo. Nesse aspecto, o design de embalagens tem um papel importante.


O cliente tem a tendência de confiar mais e, por consequência, comprar e consumir produtos que tenham uma embalagem convincente, que demonstre qualidade e confiabilidade.


A identidade visual está diretamente ligada ao sucesso desse tipo de estratégia, tanto nas ações realizadas no ponto de venda quanto no ambiente online, por meio de marketing digital.


Por que investir no design de embalagens?

Uma embalagem é uma espécie de recipiente utilizado para armazenar os produtos por um curto período de tempo. Entre suas finalidades está a proteção do conteúdo, o agrupamento das unidades para a logística e a promoção da marca por meio de estratégias de marketing e comunicação visual.


Hoje em dia, inúmeras empresas têm investido recursos e esforços para que as embalagens dos seus produtos se destaquem em meio a uma infinidade de opções que o cliente se depara no mercado.


A seguir mostraremos por que a marca própria pode tornar a empresa mais competitiva e qual é o papel do design de embalagens no contexto.


Como o design de embalagens se relaciona com a marca própria e por que é importante investir nisso?

Como estratégia para aumentar as vendas e o índice de competitividade no mercado, muitas empresas têm vendido produtos de marca própria nos seus estabelecimentos. A seguir listamos alguns dos aspectos positivos de investir em uma marca própria. Confira!


Melhora a margem de lucro

Não é nenhuma novidade que uma parte do valor cobrado por cada produto que consumimos é um reflexo da marca que ele tem, correto?


Afinal, cada fornecedor deve adicionar um custo às mercadorias que vende para ajudar a fazer a promoção da sua marca e levar os clientes até as lojas para comprá-las. Isso significa que, no papel de consumidor, todos nós pagamos pelo tráfego dos produtos.


Você já parou para pensar que se a sua empresa lançasse um produto de marca própria, ele provavelmente seria mais barato do que um item da mesma categoria oferecido por outra marca A consequência dessa produção é o notável aumento do lucro!


Reduz a competitividade

Ao desenvolver o seu próprio produto, automaticamente a empresa deve procurar fabricantes que o venderão como um item sem o "peso de uma marca".


Desse modo, é possível obter a sua linha de produtos por preços significativamente inferiores, incluir a sua marca própria e ainda oferecê-la ao consumidor final como um grande diferencial competitivo para o seu negócio.


Esse tipo de posicionamento pode fazer com que o seu negócio se destaque dos concorrentes, pois gera credibilidade ao mostrar que tem porte para investir na própria linha de produção.


O design de embalagens tem um papel fundamental nesse aspecto, sendo necessário investir na criação de uma identidade visual capaz de atrair os clientes e transmitir confiabilidade. Falaremos mais sobre isso adiante.


Aumenta a margem de negociação com fornecedores

Ao conhecer todos os fornecedores, a empresa passa a poder negociar melhores preços e a vender os produtos com seu nome. Muitas organizações utilizam sua marca já existente, enquanto outras criam novas marcas para que possam representar esses produtos.


Ajuda a construir a marca

A intenção inicial de qualquer organização que decida investir na marca própria é a mesma: aumentar a lucratividade do negócio — e não há nenhum problema nisso.

Contudo, muitos empresários se questionam se após iniciar a comercialização dos seus próprios produtos, será necessário continuar vendendo mercadorias de outros fornecedores. De fato, é um questionamento pertinente. Afinal, será que é possível fortalecer a marca própria enquanto a empresa vende outras marcas?


A implementação de uma marca própria no mercado, principalmente nos primeiros anos, é uma tarefa que exige muito esforço, investimento e persistência, já que ela precisa quebrar algumas barreiras conceituais na mentalidade do consumidor.


O cliente nunca ouviu falar da marca e não sabe se seus produtos são de qualidade similar ou superior a de outras marcas que ele já está acostumado a comprar. Portanto, ele precisa tomar a decisão de "se arriscar" em uma nova empreitada para que esses paradigmas sejam quebrados.


Esse processo acontece aos poucos e pode ser estimulado por meio de estratégias promocionais, como preços competitivos no início das vendas, um design de embalagens que se comunique com o perfil de consumo, entre outras.


Lembrando que é fundamental que o produto de marca própria se destaque também por qualidade, equiparando-se ou até superando a concorrência, e não focando apenas em preço.


Dado o contexto, continuar comercializando produtos de outras marcas ainda que seu estabelecimento já tenha uma marca própria é uma forma de dar opções ao cliente e deixar que ele faça as comparações necessárias sozinho — e, assim, a sua marca se consolide no mercado.


Por que contar com uma agência especializada para criar o design de embalagens ideal para a marca?

Como você pôde ver, ter uma marca própria oferece uma grande variedade de benefícios ao negócio. Contudo, implementá-la no mercado e receber a aceitação do público pode ser uma tarefa um tanto complexo.


Se considerarmos que o design de embalagens dos produtos comercializados pela marca carrega uma das maiores responsabilidades, que é a de comunicar-se com o consumidor, é muito importante que a empresa conte com profissionais experientes para desenvolver a identidade visual de sua estratégia.


O que queremos dizer é que é necessário contar com o auxílio de uma agência especializada em comportamento de consumo e ações de marketing para desenvolver o design ideal para as peças publicitárias da marca, principalmente dos produtos comercializados no ponto de venda.


Além disso, toda a estratégia é pensada considerando também a extensão da linha e da categoria do produto da empresa, pois muitas vezes a marca própria acaba se estendendo em todas as categorias dentro de um supermercado.


Mostramos o que é marca própria e como ela tem se desenvolvido no Brasil. Apontamos os principais motivos pelos quais empresas de diversos segmentos do mercado têm investido nessa tática para aumentar as vendas. Além disso, você pôde conferir a importância do design de embalagens para a promoção da marca própria e como ele ajuda a dar credibilidade aos produtos e a gerar confiança nos clientes.


Você ainda tem alguma dúvida sobre a importância de investir no design de embalagens para marca própria? Quer entender melhor como podemos ajudar? Então entre em contato conosco para mais detalhes!

77 visualizações